Notícias

Reitora da Unifran visita Universidade de Salamanca


06
February 2019

O ano mal começou e a Unifran já deu mais um passo importante para ampliar ainda mais sua internacionalização. No mês de janeiro, a Reitora da Unifran, Profa. Katia Jorge Ciuffi, esteve na Universidade de Salamanca para mais uma missão de trabalho. A visita faz parte do projeto da FAPESP SPRINT – São Paulo Researchers in International Collaboration, firmado há dois anos com a Unifran e que consiste na colaboração internacional para a elaboração de projetos de pesquisa conjuntos de médio e longo prazo.

A relação entre a universidade brasileira e a instituição espanhola já dura mais de 15 anos por meio da assinatura de convênios de colaboração acadêmico. A Reitora da Unifran colabora com o Departamento de Química Inorgânica da USAL, onde já participou de quatro projetos Interuniversity, além de dois projetos do programa USAL-FAPESP, que resultaram em mais de 50 artigos científicos conjuntos, mais de 20 teses, cinco capítulos de livros, mais de 100 comunicações para congressos e a ida de oito alunos da Unifran para a Espanha.

A missão da Reitora desta vez, foi desenvolver novos projetos, fazer experimentos com equipamentos de alta tecnologia, viabilizar análises, finalizar artigos e ainda participar de uma banca examinadora. Além de todo os trabalhos citados, a Profa. Katia trouxe uma grande novidade para seus estudantes: a conquista da sua primeira tese de cotutela! O que isso significa? Que os alunos da Unifran poderão ter dupla titulação, ou seja, sua tese de Doutorado por exemplo, também terá titulação pela Universidade de Salamanca. E eles ainda poderão dividir seu tempo entre sua instituição de origem e a instituição na Espanha. Demais, né?

Segundo a Reitora da Unifran, as instituições são cada dia mais cobradas pela internacionalização e graças a esse projeto, a Universidade tem conseguido notas altas perante a Capes e em avaliações do INEP, além de grande fomento na Fapesp e CNPQ. Ainda mais quando se trata da 3ª universidade mais antiga da Europa, com 800 anos de existência, completados e comemorados com a presença da Profa. Katia Ciuffi e do presidente da Cruzeiro do Sul Educacional, Prof. Hermes Figueiredo.

De acordo com o Prof. Hermes Figueiredo, essa parceria é o reconhecimento da qualidade do trabalho da Instituição, que além de elevar a dignidade, melhora a formação dos alunos, uma vez que os projetos não são apenas desenvolvidos por professores, mas também pelos estudantes.