Notícias

Programa social que beneficia crianças do Aeroporto retoma atividades em Março


22
February 2006

festinha.gif

Acompanhamento psicológico, reforço escolar, informática, educação física e artística, higiene bucal e nutrição são algumas das atividades desenvolvidas no “Projeto Despertando para o Amanhã”.

Encerrada a primeira etapa do Projeto Despertando para o Amanhã que atendeu cinqüenta crianças, de nove e dez anos, do Jardim Aeroporto, de agosto a novembro de 2005, o programa idealizado por Frederico de Oliveira Ludovice e implementado por ele e Neuza Galdiano Cury, ambos da Unifran, irá reiniciar suas atividades no início de março com a mesma turma.

Os objetivos do projeto são o de proporcionar atividades culturais, esportivas e artesanais, oferecer atendimento psicológico e pedagógico além de colaborar para a melhoria da qualidade de vida das crianças envolvidas. A assistente social do Projeto, Maria Elisabete Taveira, selecionou meninos e meninas que apresentam necessidades de acompanhamento devido ao desempenho escolar e dificuldades sociais diversas.

De acordo com a Profa. Neuza Galdiano Cury, nessa primeira etapa do projeto foi possível perceber o retorno positivo no desenvolvimento das crianças. O Projeto Despertando para o Amanhã foi aprovado e contou com o apoio do Conselho Superior da Unifran. “Nesta segunda fase teremos encontros para discutir temas específicos com os pais das crianças, pois estes são peças importantes para o sucesso do programa”, afirma Frederico de Oliveira Ludovice.

Como funcionou o projeto

O grupo se reunia às segundas e quartas feiras no campus da Unifran, após o horário escolar. As crianças, trazidas em transporte da Universidade, almoçavam e participavam das atividades do dia. Desta maneira, os monitores – voluntários oriundos dos diversos cursos da Universidade – orientavam as crianças que, divididas em grupos de dez, participavam integralmente das ações. No final do dia, após o lanche, retornavam às suas casas.

A participação de cada curso

As áreas de conhecimento da Unifran aderiram ao Projeto e cada uma delas contribui com sua especialidade. A Psicologia, por meio de dinâmicas de grupo, aborda temas polêmicos relacionados com a família; a Educação Física participa com atividades físicas enfocando o desenvolvimento de técnicas desportivas, disciplina, interação e superação das dificuldades; a Odontologia avalia a saúde bucal das crianças, encaminha para tratamento aquelas que dele necessitam e orienta a adoção de técnicas de higiene bucal como medida preventiva de doenças; a Pedagogia fornece reforço escolar e estimula a prática da leitura; a Nutrição ensina como fazer receitas fáceis, baratas e nutritivas; a Educação Artística estimula as crianças a desenvolverem suas habilidades manuais e sua criatividade. Além destas ações, a freqüência ao Laboratório de Informática fornece às crianças envolvidas no Projeto a aprendizagem da linguagem dos computadores e o domínio de programas básicos. Em todas as atividades do Projeto a presença de voluntários permite a maximização do aprendizado.