Notícias

Nova molécula contra disfunção erétil


20
June 2013

250_54.jpgHá um ano, a aluna Ana Luísa Mosbacher, do Programa de Pós-Graduação em Ciências, vem desenvolvendo uma pesquisa com bolsa concedida pelo laboratório farmacêutico Cristália para obtenção de uma molécula ativa com aplicação em problemas de disfunção erétil. A pesquisa de Ana faz parte de uma patente depositada em vários países, entre eles Brasil, EUA, Japão e alguns países da Europa. A parceria entre o laboratório Cristália e a Universidade de Franca foi estabelecida em 2010 e é coordenada pelo prof. dr. Márcio Luís Andrade e Silva, pertencente ao Grupo de Pesquisas em Produtos Naturais (GPNUF). De acordo com o prof. Márcio, até o momento os resultados são promissores e existem perspectivas de esta molécula ser utilizada futuramente em novos medicamentos para a patologia.