Notícias

Já sou um advogado! Assim exclamam 55% de alunos de Direito – 2015


24
March 2016

Quem não sonha em passar no Exame da OAB, antes mesmo de finalizar a sua graduação?Mais da metade da turma de formandos de 2015, já realizaram este sonho.

Um importante indicativo, que atesta a qualidade do curso; comprova também que o Direito da Unifran proporciona o melhor caminho no “preparar” para a vida jurídica, para o Exame da Ordem e acima de tudo para a excelência profissional.

O caminho para “chegar lá” e vencer na vida, também se faz através do esforço pessoal, da entrega e da confiança, sustentada na qualificação dos professores e na estrutura física e humana da Universidade.

Dr. Marlon Cleber R. da Silva, Presidente da OAB de Franca, manifestou em um Ofício os cumprimentos aos aprovados e também registrou sobre a qualidade do curso: “Acredito que o índice de aprovação de 55% é fruto  da crescente preocupação e do compromisso da Universidade de Franca não somente em relação aos seus alunos, mas reflete também o respeito dessa respeitável IES para com a sociedade e para o fortalecimento do Estado Democrático de Direito” (veja aqui o Ofício).

João Augusto Arroyos da Matta, aluno formando de 2015 é um desses vencedores: “em meio a tantos desafios fui aprovado no Exame da Ordem e no concurso Público para Analista de Promotoria I, antes mesmo de concluir o curso”!

E você, também quer “chegar lá”? Matta, deixa 5 dicas que o deixaram na frente da concorrência. Aproveite-as!

1

Curse uma boa universidade.
Além disso, veja sempre: matéria substancial, riqueza dos detalhes e livros específicos.

 

2

Não há segredos, não há fórmulas e nem métodos milagrosos.
Disciplina é apenas o início.

 

3

Humildade e não “vitimísmo”.
Nossos concorrentes não ficam piedosos com nossos problemas.

 

4

Foco em editais iguais ou parecidos.
Prestar concursos parecidos ou “hierarquicamente inferiores” é uma forma de analisar, através de resultados, a eficiência do seu esforço.

 

5

Guarde seus objetivos para você.
O sentimento de satisfação prejudica o caminhar até o objetivo.