Notícias

Como se alimentar no ciclo pré-vestibular


30
June 2014

f_142152_250x250.jpgA capacidade de manter-se concentrado por mais horas, relacionar os conteúdos estudados e ter uma boa memória depende essencialmente de como o estudante se alimenta. Muitos nutrientes estão relacionados com a capacidade de melhorar a síntese de neurotransmissores, manter a velocidade de comunicação entre os neurônios, manter a fisiologia e o metabolismo do corpo em condições campeãs. Para isso, a Profa. Ligia Lopes Simões Baptista, da Cruzeiro do Sul Educacional, elaborou algumas dicas aos estudantes para se prepararem satisfatoriamente na maratona de provas de vestibular. “O importante é não medir esforços e fechar o ciclo entre horas de estudo, horas de sono e alimentação”, afirma a coordenadora.
 
Dicas para o estudante não derrapar na fase final de estudos:
– realizar um bom café da manhã;
– alimentar-se de três em três horas, ou seja, ingerir pequenos volumes mais vezes ao dia. Sua digestão irá agradecer.
– variar o máximo possível os alimentos, assim você torna sua alimentação menos monótona, mais atrativa e mais rica em nutrientes;
– evitar alimentos gordurosos ou fritos, pois a digestão é mais lenta e o sono certamente dificultará sua concentração;
– evitar os excessos de café ou refrigerantes a base de cola para manter-se acordado. Mais vale dar uma cochilada de 20 minutos e voltar com força total;
– aumentar o consumo de água ou sucos de frutas naturais, preferencialmente sem açúcar;
– consumir duas castanhas do Pará por dia. Sua concentração de zinco auxiliará no sistema nervoso.
 
Para a véspera ou para o dia da prova, o estudante deve ter outros cuidados:
– evite experimentar alimentos que não fazem parte do seu hábito. Seu corpo pode não reagir bem;
– realizar em casa uma refeição leve, porém saborosa. Pela manhã prefira leite, café, pão integral, queijo fresco ou queijo cremoso e uma fruta e, na hora do almoço, uma boa dica são os grelhados, arroz, feijão e uma salada bem colorida;
– evite levar para o dia da prova chocolates, batatinhas fritas, biscoitos recheados ou outros alimentos gordurosos. Eles podem causar mais cansaço e dificuldade de concentração;
– prefira biscoitos simples integrais, do tipo cookies, barra de cereais com castanhas, frutas secas, como as uvas passas, ou as frescas, como a maçã ou banana. Estes alimentos irão manter sua taxa de açúcar no sangue equilibrada;
– prefira água ou água de coco ao invés de refrigerantes ou bebidas isotônicas. Eles poderão provocar mais sede.
 
“O ideal é que essa preocupação continue ao longo da sua vida estudantil, assim você assimilará muitos conteúdos e informações”, explica Ligia Lopes.